Violentina: A Versão Final de Playtest!

Olá Rolistas!

Finalmente está pronto a versão final de playtest do Violentina!
Para fazer o download, basta clicar no botão abaixo e postar um Tweet:

Você também conferir pode conferir na página do jogo, aqui.

Passamos o últimos mês terminando de testar e reformular as regras, diagramar, revisar texto, termos e convenções daquela primeira versão liberada na ocasião da III RPGCon.

Se você se interessou pelo jogo, vale a pena dar uma nova olhada, pois muita coisa foi aprimorada e incrementada. Esta nova versão está bem mais completa, compreensível e didática.

Além disso, foram incluídos no corpo do livro:

  • Exemplo completo de Sessão de Jogo ;
  • Algumas Dicas para potencializar a experiência do jogo;
  • Regras Alternativas;
  • Quadro e Gabaritos reformulados e diagramados para o tamanho correto (você pode encontrar seus respectivos PDF`s para download aqui.)

Acesse, baixe, confira e me diga o que achou!

Sua participação vai ser imprecindível na manutenção deste projeto. Sempre!

Anúncios

Violentina: Agradecimentos pelo sucesso da campanha

(Texto adaptado do e-mail enviado aos Colaboradores, e já com um certo atraso...)

Olá Rolistas!

Desde o final de Agosto estamos em uma correria louca para terminar a produção do Violentina e das várias recompensas legais que rolaram com exclusividade na campanha de financiamento

Mas no meio de todos orçamentos, revisões, correções e contas, tirei um tempinho para gravar um vídeo de agradecimento a todos os colaboradores que tornaram o Violentina uma realidade, e no meio dos palavrões, dar notícias de como anda a produção do jogo!

E essa é apenas a primeira novidade de Setembro! Estamos prestes liberar a versão final (e ainda gratuita) da cópia de playtest do jogo, e já começamos o processo de diagramação da versão final do livro, cujo PDF será enviado aos colaboradores ainda nas próximas semanas. Estamos dentro do nosso cronograma original, e acreditamos que os livros físicos assim como todas as recompensas, sejam enviadas aos colaboradores ainda na primeira semana de Dezembro.

Segue anexo o vídeo de Agradecimentos:

Agradecimentos do autor pelo incentivo e apoio da comunidade de jogadores de RPG, permitindo a viabilização e publicação independente do Jogo de Contar Histórias Violentina.

Mais informações:

SECULAR GAMES

http://www.secular-games.com/

ROLISTA INDEPENDENTE

https://rolistaindependente.wordpress.com/

MOVERE

http://movere.me/exibeProjeto.do?id=29

Violentina: Atualização#2 – 2°Semana, fase 2

Olá Violentistas… errr, quer dizer, Rolistas!

=D

Estes post é a segunda parte de uma série de quatro, que visa fornecer minha visão pessoal e registrar as quatro semanas da Campanha de Financiamento Coletivo do Violentina. A primeira parte você pode conferir aqui.

Muita coisa aconteceu durante a segunda semana. Nos surpreendemos muito novamente, e oferecemos diversas novidades. Já estamos quase completando a terceira, e portanto, já passa da hora de tecer meus comentários e observações, contar sobre a minha percepção, agradecer profundamente e registrar de forma minimamente sistemática, o que tem acontecido. Vale notar que aqui eu assumo um caráter bem pessoal, e que para complementar  estas informações com dados mais estatísticos, vale a pena conferir o post do Rocha na Área Cinza, sobre a Segunda semana do Violentina.

Alguns Números…

Ao fim do último post, nosso bimotor havia acabado de alcançar os 4.000 metros de altitude. Comemoramos liberando novas recompensas para os incentivadores. Estávamos esperançosos e na expectativa do que faríamos se alcançássemos os R$5.000,00…

Nem deu tempo de prepararmos algo para quando alcançássemos a marca dos 5k. Portanto disparamos como estratégia e agradecimento, mais 15 Violentinas no Caixão, 5 por segunda-feira restante, e uma Maleta Chumbada para a última. A fim de nos preparar para possíveis novas surpresas boas, decidimos estipular de uma vez os bônus para as recompensas caso atinjamos novos múltiplos de nossas metas iniciais.Então ficamos assim:

R$6.000,00

Nesse momento, enquanto escrevo a campanha está estável, faltando 8 dias para o fim da campanha, com exatos R$6.682,00, e alcançado 334% da meta inicial.

Pelo marco de triplicarmos a meta inicial, foi possível dispararmos os seguintes bônus para as recompensas:

  • O arquivo em PDF das Cartas Personalizadas, que será utilizado em sua confecção, para todos os Colaboradores;
  • Um Guia Passo-a-Passo impresso, com o Resumo das Etapas para auxiliar os jogadores sem precisar recorrer ao livro, para quem contribuiu com R$25,00 ou mais;

Agora… se por acaso atingirmos a marca de R$8.000,00, vamos liberar:

  • Arquivo digital de TODAS as imagens internas do livro em alta resolução e abertas pela Creative Commons, para todos os colaboradores;
  • Um Poster de Filme Fake, no maior estilo GrindHouse, impresso em A2, com com a opção de escolha de uma das artes que abrirão os capítulos do livro, para quem contribuiu com R$35,00 ou mais;
  • Uma mixtape especial, carregada no setentismo do funk, soul e samba-rock feita exclusivamente para o Violentina pelo nosso DJ e secular residente Garrell, liberada gratuitamente para todos, mesmo quem não contribuiu com a campanha

Divulgação

Durante a segunda semana, a blogosfera estava bem mais calada e provavelmente ressacados de Violentina, mas mesmo assim  houveram alguns casos que nos surpreenderam ao mostrar até onde o buzz da campanha poderia chegar com o apoio da comunidade.

Conversa com Jogador sonhador

Na primeira sexta-feira após início da campanha, bati um papo super legal com o Ricardo Tavares, de Alcunha Jogador Sonhador, na qual o foco principal foi Game Design, com o Violentina de exemplo. Junto com o PodCast + RPG, os dois podcasts formam uma excelente e completa introdução para quem está curioso e interessado em Violentina. Vale a pena conferir!

Jogador Sonhador #43 – Olhando as Nuvens: Violentina (com Eduardo Caetano)

Orkut:

Qual foi a minha surpresa ao acordar de manhã e ao acessar a página do RPG Brasil no Orkut, e dar de cara com a logo do Violentina na capa da comunidade! Dado o tamanho da comunidade, esse foi um apoio incalculável para o Violentina.

Jovem Nerd:

Logo em seguida, a surpresa veio com a descoberta de uma divulgação do pré-realease no Jovem Nerd News, possibilitando um alcance de uma fatia beeem maior do público nerd em geral. Mesmo o release estando de certa forma duas semanas atrasadas, e ter possibilitado alguns posts equivocados em outros sites – houveram blogs que divulgaram que o sucesso da campanha deveu-se graças a notícia do JN, o que não é verdade, uma vez que quando ela foi ao ar, já estávamos dobrando a meta – o impacto da notícia foi indiscutível, e durante o dia em que o post foi ao ar, notamos o acréscimo de cerca de uma dezena incentivadores. Portanto somos profundamente gratos pela divulgação e exposição que o post nos forneceu, nos deixando honrado com o espaço e embasbacados com o potencial de onde a campanha poderia ainda chegar.

Além disso, fomos agraciados em ser assunto no primeiro Vlog do ValeRPG, o Roll the Dices:

Quero jogar RPG:

Dia 13 de agosto rolou junto a JediCon, o 16° Quero Jogar RPG, e portanto fui mais uma vez prestigiar o evento e apresentar o Violentina para novos jogadores, bem como continuar testando-o o máximo possível. A Trama foi divertidíssima, na mesa um grupo de jogadores bem heterogêneos e a frase do dia, inesquecível: ” Pô Amor!!! Você tá me traindo com um mendigo?!?!?”, dão uma sugestão de como foi o dia.

Daqui para frente

Eu e o Rocha nos reunimos nesta sexta a noite, tradicionalmente no boteco, movidos a cerveja, para decidirmos o cronograma de todos os passos que devemos tomar daqui pra frente, até que você receba suas recompensas em casa.

Até o fim da Campanha, o arquivo de Rascunho para Playtest do livro sofrerá mais uma atualização, com correções de erros, modificações na ordem da diagramação e agregação de mais conteúdo (como exemplos de jogo e a transcrição de uma Sessão de Violentina, e se possível, infográficos auxiliando a compreensão de algumas mecânicas), novamente disponibilizado para download gratuitamente para toda comunidade.

Violentina: Atualização#1 – 1°Semana, fase 1

Wow…

…olá rolistas.

O.o

Demorei demais pra dar o devido feedback  sobre o que houve nas duas últimas semanas, mas finalmente aqui estou eu, numa pequena pausa da bendita arquitetura pra falar um pouco  da minha experiência recente com o Incentivo Coletivo do Violentina.

Este post é antes de tudo uma tentativa, pouco eficiente, de agradecer a toda a comunidade de colaboradores, que acreditaram, pagaram pra ver, apostaram na gente e permitiram que a campanha fosse bem sucedida, possibilitando a realização do jogo.

Neste exato momento acabamos de romper a barreira dos 4KR$ [4.015,00R$], 200% da meta. 52 pessoas dispostas a apostar em nós.

Mas como isso aconteceu? Vou tentar descrever minha visão das coisas.

Fase #0 – Pré Release

Uma semana antes do lançamento, o Rocha liberou o pré-release do jogo para a comunidade.

Os sites e blogs deram uma força incomensurável e rapidamente havia uma porrada de posts espalhados pela rede [28 que conseguimos rastrear até agora + 17 na fase #2], e o passarinho do twitter não parava de piar “Violentina”.[Peço aqui minhas desculpas se floodei alguém de retwitts, mas eu precisa arquivar aquilo de alguma maneira…]

Foi muito empolgante e meio surreal acompanhar a movimentação toda da galera pra divulgar a parada.

Enquanto isso, eu tentava desesperadamente arrancar algum caldo do meu MacBook G4 pra finalizar o vídeo, mas ele não aguentava. Tive de me desdobrar pra renderizar alguma coisa. O resultado é o vídeo que está no movere:

ViolentinA from movere.me on Vimeo.

+RPG podcast:

Na véspera do lançamento, domingo, eu e Rocha participamos , de um bate papo super legal e instrutivo sobre as nossas intenções com o pessoal da Aliança RPG: o Marcos Silva e o Danielfo do Pensotopia, e o Ricardo Tavares do Jogador Sonhador. Recomendo imensamente àqueles que tem curiosidade de saber um pouco mais sobre nosso planos prévios, darem uma conferida e ouvirem o + RPG Podcast, novo projeto do Marcos:

Ali discutimos um pouco sobre as decisões que tomamos, a escolha das recompensas, como a parceria com a Secular Games veio a acontecer, um pouco sobre o jogo e porque afinal resolvemos embarcar nesta empreitada…

Fase #1 – Início da Campanha de financiamento Coletivo do Violentina.

Dia primeiro de agosto, lançamos a Campanha de Financiamento Coletivo do Violentina.

Tínhamos a expectativa de alcançarmos nossa meta de R$2000,00 reais dentro do prazo de 30 dias. Mas não estávamos preparados para o que se sucedeu naquela manhã: Conseguimos alcançar a meta nas três primeiras horas!!!

Para uma análise mais aprofundada da experiência do primeiro dia, vale a pena dar Uma Olhada no Primeiro dia de Campanha do Violentina, na Área Cinza do Rocha.

https://i1.wp.com/www.areacinza.org/wp-content/uploads/2011/08/chart_1.jpg

Uma das coisas que descobrimos, foi que existe uma demanda interessante por acessórios de jogo [e eu achando que era o único geek de props de RPG…]. Digo isso porque as recompensas de valor mais alto – as 10 Violentinas no Caixão, e a Maleta Inferno – se esgotaram logo nos primeiros lances. O que já jogou o valor de contribuições a beira de alcançar a Meta. Além disso, houve uma enxurrada de jogadores exigindo mais destas recompensas! =D

A realidade naquela segunda parecia distorcida. Muitas pessoas voltaram a postar em seus blogs, sobre o que estava acontecendo, sendo dificultados a dar dados precisos, pela constante variação dos contadores do Movere.

A partir de segunda, a campanha deu uma amornada, o que é normal e esperado, a partir das análises que havíamos feito das outras campanhas na gringa. De qualquer forma, havia mais de 25 dias de campanha pela frente, e algumas demandas que ainda poderiam ser sanadas. Foi o momento de sentarmos e analisarmos as possibilidades daqui para frente…

Fase #2 – … e agora, Mané?

Ao fim da semana, já havíamos chegado a cima dos KR$3. Tínhamos de responder a altura e garantir mais vantagens e recompensas aos colaboradores. Eles merecem [até mais!], e agora com o valor acumulado, poderíamos preparar mais presentes.

Declaramos então, que se dobrássemos a meta, TODOS os colaboradores receberiam o PDF do livreto de Sementes, e para aqueles que contribuíram acima de R$50,00, ganhariam um bloquinho A5 com 50 Gabaritos de Papel.

Isso acabou de acontecer…

Mas ainda faltam 24 dias!!!

Sim, e mais novidades estão por vir. Imagine se conseguirmos alcançar a marca de R$5000,00…

O Rocha já avisou que espalhamos um galão de gasolina sobre o projeto. Estamos com a caixa e o palito de fósforo nas mãos, prestes a riscá-lo…

_______________________________________________

Agradeço aos seguintes blogs pelo apoio e divulgação:

[se você escreveu algo sobre o Violentina e não encontrou seu blog na lista, deixe-me saber me dando um toque!]

http://www.seculargames.com

http://www.areacinza.org

http://www.minasmorgul.com.br

http://www.ooze.com.br

http://eugostodejogar.wordpress.com

http://www.falerpg.com.br

http://www.paragons.com.br

http://www.rpgonline.com.br

http://pensotopia.com.b

http://www.roleplayer.com.br

http://www.spellrpg.com.br

http://newtonrocha.wordpress.com

https://newsrpg.wordpress.com

http://www.dot20.com.br

http://redutodobucaneiro.blogspot.com

http://listaludica.blogspot.com

http://blog.taulukko.com.br

http://www.cavaleirosdasnoitesinsones.com.br

http://jagunco.tumblr.com

http://www.defensoresdetoquio.com

http://salacentoeum.blogspot.com

http://diedragonsdie.blogspot.com

http://eternalpoose.wordpress.com

http://metagamers.com.br

http://confrariadearton.blogspot.com

http://mib1602.wordpress.cm

http://www.garagemrpg.com.br

http://mousiverso.blogspot.com

http://viladorpg.wordpress.com

http://blogquarentaedois.wordpress.com

http://www.falerpg.com.br

http://eternalpoose.wordpress.com

http://www.abreojogo.com

http://guerrasdraconicas.wordpress.com

http://factoria.garagemrpg.com.br/

https://maisrpg.wordpress.com

http://masmorradescuidada.blogspot.com

http://www.grifonosso.com

Novidades sobre a Campanha de Financiamento Coletivo do Violentina

Secular Games anunciou durante a RPGCon 2011, realizada nos dias 9 e 10 de Julho, que seu próximo lançamento, o jogo Violentina de Eduardo Caetano, seria feito através do modelo de financiamento coletivo. Alguns dias se passaram enquanto fazíamos os últimos ajustes, e agora, com tudo pronto, é hora de darmos a largada nesta experiência!

Esperamos que o Violentina seja o primeiro jogo de RPG nacional lançado através de uma campanha de financiamento coletivo (e precisaremos de seu apoio para isso!). Mas o que é oViolentina, e que diabos é financiamento coletivo?

Violentina é um jogo sobre Violência, Vícios, Volúpia e Vingança desenfreados, onde os jogadores interpretam trapaceiros, mafiosos, femme fatales e autoridades corruptas em uma espécie de Colaboração Competitiva. Profundamente inspirado na estética e na narrativa dos filmes de Quentin Tarantino Guy RitchieVioletina utiliza um sistema baseado em cartas e fichas de poker afim de distribuir de forma equilibrada o controle narrativo entre os jogadores, transformando aspectos e características específicas deste tipo de filme em mecânicas de jogo. De acordo com esta proposta, Violentina é um Jogo de Contar Histórias sem mestre, sem preparo, sem ordem cronológica, baseado em enquadramentos de cena e na criatividade de todos os participantes.

Violentina vem sendo desenvolvido por Eduardo Caetano de maneira aberta – e a  versão mais atual do jogo pode ser baixada de graça – recebendo críticas e sugestões da comunidade, essenciais para o desenvolvimento do jogo. O lançamento através do financiamento coletivo é só mais um passo em seu processo de criação colaborativa e aberta!

E o que significa financiamento coletivo? Financiamento coletivo (ou crowdfunding) é o método de bancar um projeto através da contribuição antecipada daqueles interessados na iniciativa. Se o valor estipulado para a execução do projeto for alcançado, a parada acontece e todos os colaboradores recebem recompensas previamente combinadas de acordo com o seu nível de suporte. Se o valor não for alcançado, o projeto volta para a gaveta e nenhum colaborador é cobrado. Como um amigo nosso definiu muito bem, ao participar de uma iniciativa de financiamento coletivo, você se torna uma espécie de micro-sócio no projeto, contribuindo para sua execução, mas também recebendo coisas legais em troca caso ele realmente saia do papel (ou do site!) e se realize.

Bang!

A cada dia o financiamento coletivo se torna uma estratégia mais comum e eficiente para bancar projetos interessantes. Recentemente A Banda Mais Bonita da Cidadeconseguiu bancar a gravação de seu primeiro disco através do financiamento coletivo, e fora do Brasil vários jogos independentes tiveram campanhas decrowdfunding muito bem sucedidas, tais como o Do: Pilgrims of the Flying TempleTechnoir eStartup Fever só para citar alguns.

Queremos não só que o Violentina seja o primeiro jogo de RPG nacional lançado através do modelo de financiamento coletivo, mas também testar o formato e sua viabilidade do mercado nacional de jogos, abrindo portas para outras iniciativas independentes!

A campanha de financiamento coletivo do Violentina será feita no site Movere.me, e terá início no dia 01/08, próxima segunda-feira. A campanha terá a duração de 30 dias e tem como objetivo arrecadar R$1750,00 para a produção da tiragem inicial de 100 cópias do livro. Dentre as possibilidades de recompensa se encontram:

  • O download da versão final de em Violentina PDF.
  • A cópia impressa do livro autografado.
  • Par de baralhos exclusivos para o jogo.
  • Livreto impresso com 3 novas Tramas
  • Uma maleta super com uma versão do livro encadernada à mão e com todas as outras recompensas disponíveis e mais alguns itens exclusivos.

A contagem regressiva para o início da primeira campanha de financiamento coletivo para um RPG nacional começou! Se você quer ver esta iniciativa dar certo já pode contribuir antes mesmo do dia 1º de Agosto, divulgando este texto e a proposta para o maior número de pessoas que conseguir, espalhando o link para download da versão de playtest do Violentina, e nos enviando suas críticas e sugestões.

Façam suas apostas!

 

fonte:  Secular Games

[Violentina] Finalizada a Versão1.0

Olá  Rolistas!

Finalmente!

Violentina – Versão 1.0 de Rascunho [para playtetes] está pronto!

Portanto venho aqui compartilhar com vocês o arquivo em PDF através do Scribd, que permite tanto a leitura on line, quanto o download.
Muito de vocês que visitam e comentam aqui no blog contribuíram para este jogo, ou demonstraram algum interesse e portanto sou imensamente grato por isso.


Estamos a uma semana da RPGCon, era de meu maior interesse que conseguisse terminar o primeiro texto antes do evento. Dessa maneira, perceberão que ainda é um texto cru, sem revisão, sem arte. O principal objetivo neste momento é permitir que vocês tenham conhecimento do jogo, percebam do que se trata, e se vierem a gostar, me ajudarem a divulgá-lo.

Portanto espalhe-o, distribua-o, copie-o, piratei-o. Jogue-o. Hackeie-o. Ele está licenciado sob Creative Commons, uso não-comercial compartilhamento pela mesma licença. Portanto não há problemas nisso

Em breve, se tudo der certo, tenho o intuito de tentar lançar o projeto de publicação do jogo, angariando investimento através de um site de Incentivo Coletivo, o http://movere.me/
Até lá, ainda tem muito trabalho pela frente, falta ainda incluir nas próximas versões:

  • Gabarito de Sinopse
  • Ilustrações
  • Diagramas Explicativos para algumas regras
  • Pequenos Exemplos de jogo para ilustrar as Regras
  • Um exemplo de uma Sessão completa de jogo
  • Algumas Regras Avançadas e Opcionais
  • Exemplos de como criar Outros Cenários e Genêros
  • Completar a Lista de Alcunhas

Estarei atualizando qualquer informação sobre Violentina, em meu blog:
https://rolistaindependente.wordpress.com/
ou diretamente:
https://rolistaindependente.wordpress.com/jogos/violentina/

Você pode acompanhar este e outros jogos no Garagem RPG:
http://www.garagemrpg.com.br/

Por incrível que pareça, já recebi alguns toques sobre erros no texto, que foram valiosíssimos!

Valeu demais pela força galera!!!

=]

ViolentinA e o Incentivo Coletivo

ou: Um Modelo Punk de Plano de Negócios

Estudo de arte interna com cor

O Maravilhoso Mundo da Internet tem começado a mostrar nos últimos tempos, a ponta do iceberg das verdadeiras potencialidades infinitas que tanto dela se espera. Uma destas possibilidades, e que mais bem vem a calhar para nós rolistas – principalmente aqueles que produzem algo independentemente – são os sites de Incentivo Coletivo (ou Crowd Funding).

Você já deve ter ouvido falar. Se não… Googla aí!

O grande barato aqui, é que no meu ponto de vista, o incentivo coletivo cai com uma luva pra quem tem uma ótima idéia prum jogo, mas não tem o capital inicial para tirar do bolso e arriscar num produto que não se sabe ao certo no que vai dar, ou como o público vai receber a ideia. O Crowd Funding mata todos os Orcs como uma Bola-de-Fogo só: Você descobre se o público compra a ideia do seu projeto, ao mesmo tempo em que você já os presenteia com seu produto. Incentivo e retorno quase imediato, sem que ninguém corra maiores risco com isso. Se você não conseguir alcançar o valor mínimo de Meta, você não recebe nada – mas não perde nada! E o pessoal que chegou a colaborar, recebe o dinheiro de volta. Fino…

Caso contrário, eles recebem um monte de produto legal que antes nunca sairia do papel e você bota teu jogo no mundo.

Obviamente não é só colocar a ideia na rede e esperar de braços cruzados. Existe algumas estratégias que potencializam o projeto dar certo. Uma delas a gente já vem aprendendo há um tempo, com alguns exemplos de sucesso, como o Old Dragon e Busca Final: Criar uma comunidade mínima interessada, antes mesmo de ter o produto final pronto.

Os gringos já aprenderam a tirar proveito da bagaça toda, e lá fora temos os belos exemplos do bem sucedido Do: Pilgrims of the Flying Temple, do Daniel Solis e do que eu tenho mais me empolgado recentemente, TechNoir do Jeremy Keller. Isso nos EUA. Na Europa a galera tem usado o IndieGOGO, que sugiro como exemplo o Graham Walmsley, com Stealing Cthulhu. Além disso tem muuuiitos outros projetos bacanas nestes sites. É só dar uma vasculhada.

Já aqui no Brasil, temos felizmente hoje em dia o movere.me e o catarse

O Grande Barato são as Recompensas

As Recompensas são o medidor de o quanto o Incentivador quer ver o projeto dar certo – e claro, isso também considerando o quanto ele pode pagar! Nesse sentido, o Movere.me se torna mais interessante, pois o valor mínimo de incentivo que se pode pedir é de apenas R$5,00 – em relação ao Catarse, que é de R$10,00 – e um PDF de recompensa por R$5,00 de contribuição é perfeito e se encaixa perfeitamente resolvendo majestosamente toda a discussão atual sobre publicação digital de RPG…

Um lance legal das Recompensas, é que elas incentivam o criador a bolar presentes, acessórios e apetrechos interessantes para o jogo, que provavelmente se dependessem do crivo de uma editora, seriam vistos como não comercializáveis, sem apelo comercial. Dessa forma, alguns conceitos de Design bem bacanas tem surgido, incorporados intimamente ao jogo. Vide o Do:… por exemplo.

Outro lance legal, é que muitos Designers de Jogos que utilizam o Incentivo Coletivo, tem recompensado seus incentivadores mencionando-os individualmente no livro. É uma via de mão dupla muito interessante. Ele deixa claro e exposto impresso no livro, que você foi peça fundamental para que o jogo dele fosse publicado. Graças a você! E pelo outro lado, imagine-se com o livro na mão, jogando-o com seu grupo de jogo, e teu nome tá lá, como alguém que o ajudou virar realidade.

É algo genial, e só possibilitado por esse tipo de modelo de financiamento! Uma bela evidência de que aquilo no final das contas, é uma criação coletiva, pertencente a todos.

Mas e o ViolentinA?

Estudo de capa

Pensando nisso tudo, é interessante notar que ainda nós rolistas tupiniquins ainda não tenhamos tirado proveito destas ferramentas – pelo menos eu ainda não ouvi falar de nenhum. Se você conhecer, por favor me mande um link!.

Portanto, já tem um tempo que eu estou remoendo e estudando a possibilidade de lançar o ViolentinA desta forma. Meu intuito neste post é compartilhar este interesse com a comunidade, bem como avaliar a opinião de vocês quanto as minhas ideias iniciais.

Ainda não tenho orçado todos os valores, portanto a listas de possíveis Recompensas a seguir é apenas especulativa. Vale lembrar que cada recompensa mais abaixo, contempla todas as anteriores.

  • R$5,00 – O Livro em PDF
  • R$10,00 – [tudo acima] + O nome do colaborador na Lista de Alcunhas sugeridas no interior do livro
  • R$20,00 – [tudo acima] + Livro no formato A5, PB em capa mole
  • R$25,00 – [tudo acima] + Encarte no formato A3, com todos os Gabaritos do Jogo (em breve postarei sobre o seu uso.)
  • R$30,00 – [tudo acima] + Livreto no formato A5 contento 3 novos Gabaritos de Trama
  • R$45,00 – [tudo acima] + Camiseta Personalizada com a logo ViolentinA
  • R$70,00 – [tudo acima] + Par de Baralhos Personalizados
  • R$100,00 – [tudo acima] + Caixa completa c/ 25 Tokens de Grana especiais

Estudo do encarte A3 com Gabarito de Clichê e de Sinopse

Como já dito, estes valores podem variar muito. Eles servem apenas para ilustrar o potencial das recompensas escalonadas.

Num próximo post, descreverei melhor de que se trata cada Recompensa, inclusive com protótipos e rascunhos para melhor ilustrar como virão a ser.

Estudo do encarte A3 com Gabarito de Ação